Uncategorized

Universidades cadastradas no Sisu 2020 – Veja aqui as que tem vagas disponíveis e quantas são

Já foi divulgada a lista de universidades participantes da edição do Sisu 2020. Entretanto, muitas delas já adotam sistemas que não somente dependem do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Afinal, elas tem liberdade para realizar ou não um vestibular próprio. No norte e nordeste a maior parte delas já adotam totalmente vagas pelo Sisu, entretanto, as mais concorridas ainda usam vestibulares próprios como método de seleção, nem que seja somente para um dos semestre letivos.

Veja, abaixo, quais são as universidades disponíveis para o Sisu 2020 e quantas vagas estão ao dispor. Essas são as que vão aparecer quando você for fazer a Inscrição Sisu 2020.

NORDESTE

  • Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade do Estado do Bahia (UNEB) – Parte das vagas pelo Sisu;
  • Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) – 50% das vagas pelo Sisu;
  • Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade do Estado do Ceará (UECE) – 25% das vagas pelo Sisu;
  • Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) – Todas as vagas serão preenchidas pelo Sisu;
  • Universidade Federal de São Francisco (Univasf) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Piauí (UFPI) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) – Todas as vagas pelo Sisu, exceto para cursos que exigem teste de habilidade específica;
  • Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal de Sergipe (UFS) – Todas as vagas pelo Sisu, exceto para o curso de Música;
  • Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Todas as vagas pelo via Sisu;
  • Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal de Alagoas (IFAL) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Piauí (IFPI) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) –50% Sisu e 50% vestibular;
  • Instituto Federal de Sergipe (IFS) – 50% das vagas pelo Sisu;

NORTE 

  • Universidade Federal do Acre (UFAC) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Amazonas (UFAM) – 50% das vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Tocantins (IFTO) – Parte (percentual não divulgado) das vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal de Roraima (UFRR) – Parte (percentual não divulgado) das vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Acre (IFAC) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (IFAM) – 20% das vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Amapá (IFAP) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Pará (IFPA) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal de Rondônia (IFRO) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal de Roraima (IFRR) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Tocantins (UFT) – Todas as vagas pelo Sisu;

CENTO-OESTE

  • Universidade de Brasília (UnB) − 50% das vagas pelo Sisu e 50% pelo PAS no 1º semestre e todas as vagas via vestibular no 2º semestre
  • Universidade Federal de Goiás (UFG) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade do Estado do Mato Grosso (Unemat) – Todas as vagas pelo Sisu no 1º semestre e todas as vagas via vestibular no 2º semestre;
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal Goiano (IF Goiano) – 70% via vestibular e 30% via Sisu;
  • Instituto Federal do Mato Grosso (IFMT) – 50% das vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Mato Grosso do Sul (IFMS) – Todas as vagas pelo Sisu;

SUDESTE

  • Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal Sudeste de Minas Gerais (IFSudesteMG) – 50% das vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Sul de Minas Gerais (IFSuldeMinas) – 70% das vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal de Uberlândia (UFU) – Todas as vagas pelo Sisu, exceto para cursos que exigem teste de habilidade específica no 1º semestre e todas as vagas via vestibular no 2º semestre;
  • Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) – usa ENEM como 1ª fase do vestibular para alguns cursos, e o Sisu para outros;
  • Universidade Federal do ABC (UFABC) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG) – 50% das vagas pelo ENEM/Sisu exceto os cursos que exigem teste de habilidade específica;
  • Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFF) – Algumas vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Centro Federal de Educação Tecnológica do Rio de Janeiro (Cefet-RJ) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Estadual da Zona Oeste (UEZO) – Todas as vagas pelo Sisu;

SUL

  • Universidade Federal do Rio Grande (FURG) – Todas as vagas pelo Sisu e cursos a distância pelo ENEM;
  • Universidade Federal do Pampa (Unipampa) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Paraná (IFPR) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) – 50% das vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal Farroupilha (IF-Farroupilha) – Todas as vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) – 30% das vagas pelo Sisu;
  • Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) –Todas as vagas pelo Sisu;
  • Instituto Federal Catarinense (IFC) – Todas as vagas pelo Sisu;

Lembrando que cada uma delas pode adotar independentes pesos para as provas de conhecimento do Enem, o que ajuda a compor a nota de corte do programa. Para saber como ela é calculada veja as diretrizes completas nesse link.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *